Perguntas frequentes sobre a macadâmia (parte 1/2)


Macadâmias engordam?


Não. As pessoas que consomem nuts, tendem a ter pesos corporais menores e ganhar menos peso ao longo do tempo. Estudos compravam que o consumo regular de nozes, aliado a uma dieta saudável, contribui com a saúde do coração sem o ganho de peso. As pesquisas identificaram diversas razões porquê macadâmias não causam ganho de peso:

  • Elas satisfazem a fome e reduzem o apetite

  • Elas possuem baixa carga glicêmica, e por isso não aumentam a glicose ou níveis de insulina

  • As kcal das porções não são totalmente absorvidas (cerca de 10-25% apenas passam pelo nosso sistema digestivo por causa da quantidade de fibras)

  • Elas contém fibras, que contribuem para o bom funcionamento da flora intestinal e consequentemente do metabolismo.

Experimente adicionar um punhado de macadâmias à sua dieta. Ou então, substituir farinhas menos nutritivas pela farinha de macadâmia .



Eu tenho colesterol alto, posso consumir macadâmia?


Sim! Estudos comprovam que o consumo de macadâmia reduzem os níveis de colesterol "ruim"(LDL). Caso você tenha colesterol alto, comer um punhado de macadâmia pode ser uma maneira deliciosa de ajudar a equilibrar seus níveis.

A combinação de gordura boa, fibras e esteróis vegetais tornam a macadâmia uma excelente escolha.


Macadâmias contribuem para a saúde do coração?


Sim! Macadâmias possuem uma ótima combinação de nutrientes para o seu coração. O óleo da macadâmia é insaturado ( principalmente monoinsaturado) e esteróis vegetais, que contribuem para os equilíbrio nos níveis de colesterol. Além de arginina, um aminoácido que ajuda a manter os vasos sanguíneos saudáveis.


compre aqui: Macadâmia premium, com ou sem sal.


Como as macadâmias afetam a glicose no sangue?


Macadâmias têm baixo índice glicêmico, por conta da baixa quantidade de carboidratos, alto teor de gordura monoinsaturada, presença de proteína e fibra. O IG (índice glicêmico) é medido a partir da velocidade que determinado alimento pode elevar os níveis de glicose no sangue. Um IG alto fica em torno de 70, o da macadâmia é 10.


Muitos alimentos pobres em nutrientes ou com muito carboidrato podem atrapalhar o metabolismo e levar a altos índices de glicose no sangue. Adicionar nozes e castanhas como a macadâmia em refeições e snacks, pode ajudar a balancear essa equação.


Macadâmias podem fazer parte da dieta de quem tem diabetes ?

Macadâmias são a comida ideal para pessoas com diabetes ou pré-diabetes. Estudos comprovam que o consumo de nozes ajuda a melhorar o controle da glicemia em pessoas com diabetes tipo 2.

As nozes ajudam na prevenção contra a diabetes também. Após analisar 500 mil pessoa que comeram 30g de nozes por dia, 4 vezes por semana, pesquisadores chegaram a conclusão que o risco de desenvolver diabetes tipo 2 foi diminuído em 13%.


Macadâmias fazem bem para a saúde intestinal?


As fibras são essenciais para garantir o bom funcionamento do intestino, e as macadâmias contém 2g de fibras em cada porção de 30g (o que é parecido com a quantidade em uma fatia de pão integral).

Macadâmias são melhores amigas do intestino, porque além de conter fibra, contém alto nível de gordura monoinsaturada e baixo nível de açúcar.




fonte: https://www.australian-macadamias.org/consumer/health-wellbeing/frequently-asked-questions/ pesquisas: https://www.australian-macadamias.org/consumer/health-and-wellbeing-references/

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo